AdoteUmCara.com.br

Guia para Começar um Relacionamento Vol. II

Então você ainda está procurando um relacionamento dos bons, não é mesmo? Do tipo que dura. Não se preocupe, nós não o julgamos, porque estamos no mesmo barco. Bem-vindo(a) ao clube de solteiros pós (quase) pandemia, em busca por algo sério.

Já que sabemos exatamente como você se sente, decidimos publicar a segunda parte do Guia para Começar um Relacionamento Vol. I.

No volume anterior deste guia, falamos sobre fazer muitas perguntas à outra pessoa, colocar-se em primeiro lugar e também sobre as diferentes linguagens do amor, que eu espero que você já tenha estudado e colocado em prática. Se não, não se preocupe, clique aqui para revisar as dicas, porque elas são muito importantes para entender as diferentes maneiras pelas quais nós, humanos, mostramos amor e gostamos de recebê-lo. Isto é fundamental para conseguir identificar quando alguém é capaz de lhe dar o que você precisa e, claro, para ver se você pode dar amor a outra pessoa. Ou pelo menos tentar.

Agora, vamos continuar com as dicas para que, uma vez que seu relacionamento se transforme em algo mais sério, você possa lidar com ele da melhor forma.

Ouça com atenção

Não deixe o ego dominar seu relacionamento. Haverá diferenças, haverá pontos de vista distintos, e haverá argumentos. Mas o orgulho pode destruir um bom relacionamento. E o que ganhamos com isso? Na maioria das vezes, nada. Se você quiser que seu relacionamento seja saudável, sempre escute e tente entender o ponto de vista da outra pessoa. Respeito e confiança são a chave para o sucesso.

Fique longe da dependência emocional

Quando sua felicidade depende de outra pessoa, você está esquecendo que dentro de você está a maior fonte de felicidade do universo. Infelizmente, pensa-se muitas vezes que ser dependente de outra pessoa é sinônimo de amor, e isto não é verdade. Uma relação saudável consiste em estar com alguém sem necessidade de estar com ele/ela. Em outras palavras, você pode ficar bem sozinho, mas escolhe estar com essa pessoa.

Apegar-se a um amor é o gatilho para uma relação tóxica. Não deixe de ser você mesmo apenas para salvar o relacionamento ou agradar ao seu parceiro. A prioridade máxima será sempre você. E, por favor, estenda a mão somente a pessoas com as quais você possa compartilhar sua luz, não a quem vai apagá-la.

Encontre o equilíbrio

Ao iniciar um novo relacionamento, é normal que a balança entre medo e desejo esteja desequilibrada. O melhor é encontrar um meio-termo: não confie tanto e não tenha tanto medo. Busque equilibrar esses aspectos e construir uma relação saudável a partir do zero:

Ser super intenso vs. curtir a magia do início O início do relacionamento pode fazer com que você pense demais, assim como pode fazer com que você o desfrute ao máximo e esqueça tudo o mais. Encontre o equilíbrio.

Comparar com relacionamentos passados vs. aprender com relacionamentos passados Se fizemos mal no passado, é normal que surja alguma desconfiança e projetemos nossos traumas sobre a relação atual. Mas não leve isso ao extremo. Lembre-se que você pode aprender muito com o passado para melhorar e não cometer os mesmos erros.

Ver apenas os defeitos vs. ver apenas as qualidades O amor nos torna exigentes, e também nos torna cegos. Olhe para tudo de uma perspectiva mais ampla onde você pode ver as qualidades e os defeitos da pessoa de uma maneira honesta. Sem fantasiar ou depreciar.

Ficar junto o tempo todo vs. levar as coisas com calma Abandonar nossa vida anterior para passar o dia inteiro com nosso parceiro é mais comum do que parece, assim como é levar as coisas com calma e passar muito tempo separados. Tanto o excesso de proximidade quanto de distância podem ser prejudiciais a um relacionamento.

Iniciar um relacionamento é um evento mágico, onde duas almas levam tempo para se conhecerem e serem felizes juntas. Acima de tudo, entenda o seu tempo e suas exigências para fazer de seu próximo relacionamento uma união saudável, consciente e de qualidade.

No AdoteUmCara, encontre alguém que vai fazer cada dia ser como a primeira vez.

Se você gostou desse artigo, pode gostar também de:

Simpatias para conquistar o amor

5 dicas para flertar mais e melhor em 2021

back to top