AdoteUmCara.com.br

AdoteUmCara.com.br

Como terminar um relacionamento de forma saudável

Optar por terminar com uma pessoa que você respeita e até ama pode ser uma decisão muito difícil, principalmente quando você não tem certeza de qual seria a melhor forma de conduzir a situação. Foi pensando nisso que o AdoteUmCara trouxe esse pequeno guia ensinando Como dar fim a um relacionamento de forma saudável.

Reconheça que seus motivos são válidos

É comum estar com uma pessoa que todos consideram incrível e mesmo assim ter um sentimento contínuo de incômodo com relação ao relacionamento. Nesse caso, talvez seja necessário aceitar que, apesar de ser uma pessoa teoricamente perfeita, pode ser que esta não seja a pessoa perfeita para você. Nem só de relacionamentos abusivos vivem os términos, às vezes, cada um dos envolvidos está em fases diferentes da vida ou em níveis diferentes de envolvimento e é importante que seus sentimentos sejam levados em consideração.

Se coloque no lugar do outro

Esta é uma dica válida para quase tudo na vida, mas se colocar no lugar da pessoa que vai ouvir os motivos do término pode ser uma escolha que vai fazer toda a diferença na hora de terminar o relacionamento. Isso vai fazer com que você escolha com cuidado as palavas que vai usar e o momento em que vai finalmente trazer o assunto à tona. Mas tente não procrastinar. Lembre-se que, caso estivesse no lugar do outro, você provavelmente não gostaria de prolongar uma relação com alguém que quer, já há algum tempo, terminar.

Não levante questões do passado

Um dos maiores impulsos na hora de encerrar um relacionamento é o de culpar o outro por comportamentos negativos que, ao se acumular, culminaram no fim. No entanto, colocar a pessoa nesta posição de culpado só vai dificultar as coisas e impedir que o término aconteça de forma saudável. Se o outro desejar realmente saber os motivos em detalhes, opte por frases que tenham foco nos seus próprios sentimentos como: “Eu não conseguia lidar com o fato que…” ou “Eu me senti…”. O segredo é evitar mentir ou inventar motivos que escondem os verdadeiros problemas, mas também não ser cruel com o outro apontando erros que foram pontuais ou não podem ser mudados.

Defina quais são os limites

Saber que existe alguém que nos ama pode ser uma grande afagada no ego, mas é importante definir limites que vão permitir que a outra pessoa se recupere do baque sofrido. Ao invés de continuar as conversas como se nada tivesse acontecido, trazendo assuntos banais que ignoram o elefante na sala, deixe que o outro tenha tempo e espaço para se recuperar da notícia e dos impactos que ela causa em sua vida pessoal.

Lembre-se que mesmo que tenha sido você a pessoa que decidiu dar fim ao relacionamento, você também tem direito de sofrer com o término. Aproveite esse tempo e espaço para reconstruir a sua vida focando em si mesmo e se apoiando em seus amigos e família.

Se você gostou deste texto, vai gostar também de:

5 sinais de que você tem medo de compromisso

back to top